domingo, 18 de julho de 2010

Como bordar...

A Sara Santos deixou-me o seguinte comentário: "Queria fazer-lhe uma pergunta de principiante: para fazer quadros de grandes dimensões por onde devo começar? Dividir o esquema? Começar pelo centro? De baixo para cima?Quais os passos a seguir para não me enganar com tantas cruzes?".

Aqui vai a minha resposta: Eu normalmente tento começar pelo centro, mas por exemplo com o Kiss comecei no canto inferior esquerdo... Na verdade acho que cada um deve começar por onde acha que lhe pode dar mais jeito, o que é mesmo muito importante é contar o tecido para ter a certeza que é a medida certa, afinal não queremos bordar e a meio ver que não temos tecido suficiente. Quanto à 2ª parte da pergunta, eu para não me perder com a contagem começo por bordar a cor que tem mais cruzinhas e no fundo o próprio bordado vai marcando o ritmo. Mas por exemplo á quem marque o pano com caneta ou com linha, pode-se inclusive dividir o pano tal como o esquema em quadriculas de 10 cruzes. Sara eu acho que o melhor é ir testando, vai bordando e vê como tu preferes... Claro que se te enganares não há problema algum, quem é que já não teve que desmanchar uma boa parte do seu bordado?

Queridas leitoras digam de vossa sentença, como fazem? Respondam às questões da Sara que são bastante pertinentes...
Sara espero ter ajudado! Beijos e não deixes de comentar...

Ficam alguns links com Dicas:
Como Bordar em Ponto Cruz
Como interpretar o Gráfico - Vídeo

9 comentários:

Priscila Rodrigues Bittencourt disse...

Amiga
Bom dia!
Pois é, concordo com você na seguinte questão... ir tentando pra ver qual ela se dá melhor.
Eu, por exemplo, não marco o tecido com canetinhas não. Faço direto do gráfico. hehehehe
Questão de costume mesmo. Desde que comecei a fazer sempre foi assim... acho que pra mudar agora ficaria complicado, não é!?
Hehehehhe

Beijos e ótimo domingo!

Joanita disse...

Acho que o importante é fazer ponto cruz e não ponto cruzado como mtas fazem!!!

Os pontos todos para o mesmo lado, todos para a mesma direcção (o debaixo da esquerda para a direita / e o de cima da direita para a esquerda \) e na parte de trás tudo paralelo!

Kiss! ;)

Vivis disse...

Você teria o gráfico do quadro "maternidade" que você mostra em post pra me mandar?? Meu e-mail é viviane.a.santana@hotmail.com

Beijos!

Ilda disse...

Olá
Eu concordo contigo Marta!
Eu começo de onde me da mais jeito.
Para não me enganar faço uma copia do desenho e depois risco o que vou fazendo . Bjs

orquídea disse...

Eu centro o trabalho no tecido. Isto porque se o tecido for um pouco à justa e calcularmos mal a margem com que começamos, podemos ter um dissabor... Para além de que acho que se torna mais fácil. Para uma principiante, acho que é mais recomendável começar por trabalhos mais pequenos e não aventurar-se logo em grandes quadro com dezenas de cores. Para quem tem medo de se perder com as contagens, existe no mercado quadrilé já marcado com quadrados de 10x10. Quanto ao gráfico, costumo fazer marcações a lápis, para não estragar. Mas existem no mercado quadros magnéticos próprios que permitem marcar o gráfico sem o danificar. Assim é só mover o íman à medida que se vai trabalhando. Sei que existem, mas nunca vi à venda cá em Portugal... Todas estas informações estão no meu blog, é só consultar (em especial o Manual para Principiantes)!

P.S.: E já agora, concordo com a Joanita: ponto de cruz com linhas cruzadas no avesso não é ponto de cruz...

Fiamar disse...

Miga, tens um selito no meu blog!! :)
Bjs

Milai disse...

Eu começo sempre pelo centro. Sou da sua opinião. Não há uma regra. Cada uma utiliza a melhor maneira e que lhe dá mais geito. Para calcular o pano faço assim:conto os pontos em largura e em altura e conto quantos pontos leva o pano num espaço de 10cm. Em seguida faço uma regra de três simples como nos ensinaram na instrucção primária e acho o tamanho exacto de pano que devo ter. Acrescento sempre mais 5cm de cada lado, pois como faço quadros não quero ficar com o pano à recta, e pronto é só cortar.
Beijinhos

Maria Lúcia disse...

Oi
Só a pratica chega
a perfeição.
a gente aprende com
o tempo.
Eu cruzava da esquerda pra
direita.
Da direita pra esquerda,
uma salada todos misturado.
O avesso ficava um horror.
Estou fazendo
Como a Joanita disse.
Beijos...
Lúcia.

A Filosofia é mara! disse...

Oi! Preciso de uma super ajuda. Estou bordando o quadrinho com um ursinho e o nome do meu bebe, que está para chegar. Agora que estou finalizando o trabalho, não sei como colocá-lo na moldura. É preciso alguma cola e papel especial? Agradeço muito se puder me ajudar.
Grande abraço,
Joci